Um elogio dissimulado

Sei que muitos não gostam do exemplo azul. Eu também não! (...) a realidade é que os ... têm o "mestrado" na substitução de jogadores-chave (...) Vendem-nos sempre por valores elevados e garantem sempre o substituto 80% das vezes antes até de venderem o jogador do plantel.

Os exemplos estão à vista, e não importa para o caso olhar ao sucesso das operações mas sim ao formato e à organização: Lisandro » Hulk; Bruno Alves » Maicon; Meireles » Moutinho » Lucho » Belluchi/R.Micael; Deco » Lucho; Cissoko » Alvaro Pereira; Rodriguez » Quaresma; e o caso paradigmático dos centrais: R. Carvalho » Pepe » Bruno Alves » Sereno (sempre portugueses); etc. Se olharmos aos valores das transferências dos exemplos acima, todos sairam perto das respectivas clausulas e aos magotes por época num numero de dois/três por ano.

Ora, o que está em causa não é vender jogadores, mas sim... Saber vendê-los para, efectivamente, ao fazê-lo dar continuidade ao projecto desportivo e financeiro. (Eles) fazem-no porque precisam e porque são (inserir insulto gratuito, n.d.e.) na gestão. Nós fariamos porque... podemos! Ou seja, porque ganhamos, porque os nossos jogadores são bons, são desejados e o Benfica tem o "carisma de campeão" que interessa aos melhores campeonatos.

Calma...pára de rir...ok, já está...

Este texto, tirado do melhor blog de humor da net (sim, vocês sabem qual é...não, não vou parar de o ler) e que sofreu da minha parte alguma edição criativa para não ferir susceptibilidades como a Linda Reis num clube de strip, espelha no seu final uma realidade tão concreta como a pança do Rodríguez.

É esta visão acéfala que se apodera do tradicional benfiquista que crê haver um direito divino à vitória, uma predestinação para a grandiosidade, um salvo-conduto para o triunfo individual e colectivo e a arrogância que, após conquistado, nada mais foi que a concretização de um facto já escrito nas estrelas...quando tudo isto se traduz, fundamentalmente, em balelas. Leram bem, balelas.

O Benfica é um grande clube. A maioria dos seus adeptos, no entanto, não é grande coisa.

2 comments:

Orgulhoazulebranco disse...

"Ou seja, porque ganhamos, porque os nossos jogadores são bons, são desejados e o benfica tem o "carisma de campeão" que interessa aos melhores campeonatos."

LOOOOOOL
E nós não queres ver?!
Ficamos em 3ºLugar,não vamos à Champions e,mesmo assim,anda tudo atrás do osso!Fará....enfim...

Eles "podem",nós "precisamos".
Oh meu Deus,pq é que eu acho que é exactamente ao contrário?Quem é que tem mesmo que fazer dinheiro e até hipoteca receitas?Ai jesus...e

reine margot disse...

Sabe, que acho que é porque eles não têm memória recente. Trabalhei uns anos (infelizmente) para gente de lisboa e diziam sempre antes dos jogos com o porto: "3 a 0! até os comemos!"
Depois, a maior parte das vezes não comiam nada, mas lá voltavam sempre com a cantilena...e as memórias do tempo do Eusébio.
Memória recente...népias!
Por isso é que não necessitam de vender; não se lembram já de quanto custou, o melhor é não vender...

Só um reparo, já não consigo acreditar durante muito mais tempo que seja um clube grande; os clubes também se fazem dos seus sócios e adeptos e pelo que temos visto ultimamente: Ata geração rasca!

© 2008 Por *Templates para Você*